[Departamento as quintas] Não existe mágica

Todas as quintas-feiras publicamos no portal http://www.gestao.adv.br um artigo inédito sobre departamentos jurídicos e seus relacionamentos internos, com escritórios terceirizados e muito mais. Nos acompanhe!

Muitos profissionais procuram soluções mágicas para as situações que enfrentam. Querem pegar experiências de outros e resolverem seus problemas rapidamente.

Não pode ser assim. Precisamos aprender com a nossa realidade e ver nos outros possibilidades e não soluções.

Três afirmações basilares nesta questão:

– Não existe modelo, existe experiência a ser aproveitada e utilizada;
– Modelos prontos não resolvem;
– Tecnologia pode não ser a solução, a gestão é sempre a solução;

Como palestrante, vejo muitos profissionais procurando em exemplos as soluções que seriam mágicas: Um novo software, um novo controle de Excel, uma planilha, uma forma de recrutar funcionários revolucionária, enfim, passes que o Mister M ficaria orgulhoso em desvendar.

Ocorre, que nem o Mister M pode salvar o seu departamento se você, gestor dele, não encarar as situações/problemas como uma oportunidade de criar soluções individuais e alicerçadas no próprio negócio.

Como assim Gustavo?

Cada departamento é isolado na sua forma de agir, pensar, enfim, em ser estratégico. Cada empresa tem seu rumo, suas estratégias, valores, missões, enfim, aquilo que é o seu DNA. Portanto, cada departamento tem a sua realidade, a sua visão de mercado e de como agir e se portar. O que vale para um pode não valer para outro.

Sendo neste prisma, temos que concluir: Um modelo pode não ser adequado a departamentos diferentes.

Vamos pegar um exemplo: Indicadores. Para alguns, modelos de BSC são perfeitos, para outros softwares com modulos de indicadores e quiçá com BI resolvem suas necessidades, outros apenas planilhas e relatórios mais simplificados e para outros ainda sequer usam indicadores (para estes, cuidado…). Então, querer “obrigar” um a usar a ideia do outro é totalmente equivocado.

Além desta realidade, temos que pensar que qualquer ideia/experiencia anterior para ser utilizada atualmente pelo departamento, seja o mesmo ou outro deve ser adequada/repensada e principalmente valorada diante do DNA da empresa ao qual o departamento está inserido.

Não se trata apenas de controle, apenas de ter uma gestão organizada ou melhor produtividade dos colaboradores. Se trata em ser uma departamento estratégico para a empresa. De agregar valor nas reuniões com a direção. De poder apontar soluções criativas, baseadas em relatos, números e principalmente inteligência.

Não existe mágica, senhoras e senhores. Existe trabalho, muito trabalho, dedicação, exemplos de mercado e ideias que podem – desde que direcionadas a realidade da empresa, do departamento e colaboradores – dar certo para uma gestão completa do departamento em prol da estratégia da empresa.

Combinamos assim:

Aproveitar experiências para não errar ou tentar validar dentro da sua realidade, perfeito.

Aplicar experiências que deram certo, apenas porque deram certo, nada feito.

Ou ainda, se quiseres uma solução mágica, que não envolva projeto, tempo e dedicação? Procure o Mister M…

______________________________________________
Artigo escrito por Gustavo Rocha – Sócio da Consultoria GestaoAdvBr
http://www.gestao.adv.br gustavo@gestao.adv.br

Anúncios

Marcado:, ,

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s