Use a tecla delete

Quem lê o título pode pensar que sou a favor do SPAM, como disse o Ministro neste artigo. Sou contra o SPAM e contra o absurdo do julgamento citado.

Contudo, tenho percebido que as pessoas andam nervosas, sem paciência, sem perdão. Apenas querem resultados, doa a quem doer.

Resultados são fundamentais na vida moderna, todavia, as pessoas também o são.

Cada vez mais as pessoas buscam no seu trabalho um meio termo entre qualidade de vida, trabalho, crescimento profissional. Trabalhar é importante, viver é fundamental.

O meu conselho é: Use a tecla delete!

Como assim?

Primeiro, pense no que é essencial para você. Analise as coisas das quais você julga importante. Não apenas as que os outros acham importante, mas as coisas que você concorda que são importantes.

Se alguma pessoa lhe ofendeu – ou você acha que ofendeu – não retruque nem responda. Use a tecla delete! Somente alguém pode lhe ofender se você permitir que isto vire uma ofensa. O seu dia não precisa ser estragado por outra pessoa. Você é dono dele.

No trabalho recebeu spam, configure seu antispam, bloqueie o remetente, mas não deixe que isto estrague o seu dia.

As pessoas deixam – em sua maioria – que estraguem o seu dia por tão pouco… Elas consideram muito, mas se usar a tecla delete, tudo fica mais simples.

Não estou fazendo o jogo do contente (alusão ao jogo de Pollyanna no livro Pollyanna), estou apelando ao bom senso.

Nesta semana percebemos que muitos sócios de escritórios jurídicos tem se separado. Sociedade é como casamento sem a parte boa da cama: então, devemos escolher bem, ter paciência e ser muito racional. Delete as emoções ruins. Enfrente as frustrações, pois estas voltarão com toda força.

Seu chefe está brigando com todos? Perdoe-o. Ele está ruim, mas não precisa deixar você ruim.

Aliás, perdoar deveria ser requisito obrigatório no universo corporativo. As pessoas querem vingança. Isto não leva a nada, além de mágoas, rancor e falta de crescimento pessoal.

Delete as coisas ruins.

Você pode se questionar o que isto tudo tem a ver com o universo corporativo, foco deste portal. Respondo: Sem pessoas, não existe universo corporativo, nem pessoal. Pessoas são o centro do universo profissional, portanto, ajuda-las faz parte de qualquer crescimento empresarial que se almeje.

Não pense apenas em resultados. Pense também nas pessoas!

______________________________________________
Artigo escrito por Gustavo Rocha – Diretor da Consultoria GestaoAdvBr
http://www.gestao.adv.br gustavo@gestao.adv.br

Anúncios

Marcado:

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s