Taxa de confiança nos advogados

Uma pesquisa recente realizada em 19 países, inclusive no Brasil, apontou dados interessantes na taxa de confiança que as pessoas tem em 20 categorias profissionais.

A pesquisa é da GfK – empresa especializada na execução de pesquisas de mercado –, que ouviu cerca de 19 mil pessoas (1.000 no Brasil), com idades acima de 15 anos,  para avaliar o nível de confiança da população em profissionais de diversos setores.

Os bombeiros foram eleitos em primeiro lugar no Brasil e no mundo, como a categoria profissional mais confiável. Depois temos empatados carteiros e professores do ensino fundamental e médio, seguidos de médicos e do exército.

Leia aqui um artigo sobre a pesquisa. Escute aqui uma reportagem sobre a pesquisa – que fala sobre os advogados.

E os advogados?

No Brasil estão em 14º lugar com 64% de taxa de confiabilidade. No restante do mundo, estão em 11º lugar, com apenas 47% de taxa de confiança.

Podemos considerar que mil pessoas no universo de habitantes do Brasil não é um parâmetro da maioria, contudo, já exprime um parâmetro aceitável para analisarmos os números.

Obter 64% de confiabilidade é um número expressivo, mesmo estando em 14º posição.

Num país onde novelas, TV, rádio zombam da profissão de advogado, onde o mesmo é visto como ladrão, sem-vergonha, que quer vantagem em tudo, onde piadas são comuns e aceitas, ouvir que 640 pessoas disseram sentir confiança na profissão do advogado é um sinal que precisamos trabalhar mais e mais com afinco, verdade, vontade para manter e ampliar esta confiança.

Confiar é fundamental para qualquer profissão, sendo imprescindível na advocacia.

O advogado somente será contratado se transmitir confiança, tanto de seu conhecimento, contatos de mercado e visão estratégica do que está acontecendo/resolvendo.

O que você tem feito para estar dentro dos 64%?

Você estuda, certo?

Você é estratégico no processo, luta pelo direito do seu cliente e quer o sucesso no processo, certo?

Mesmo sem processo, você quer um acordo benéfico ao seu cliente, certo?

E o que mais?

Analisa o mercado do seu cliente e troca informações com ele?

Você conhece profundamente o que o seu cliente faz e como ele faz?

Você está presente em eventos, palestras, seminários do seu público alvo?

Você conversa com clientes sobre outras possibilidades de negócio?

Você está presente em redes sociais e mídia eletrônica?

Então, diga, onde está o seu trabalho para gerar confiança?

Lembre-se: Não basta ser, tem que aparentar ser.

Desenvolva o marketing jurídico seu e do seu escritório. Analise o mercado sempre. Esteja presente.

São atitudes assim que farão o sucesso estar sempre andando lado a lado com você.

______________________________________________
Artigo escrito por Gustavo Rocha – Diretor da Consultoria GestaoAdvBr
http://www.gestao.adv.br gustavo@gestao.adv.br

Anúncios

Marcado:,

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s